Idosos e verão: que cuidados tomar no calor?

Postado: 29 de novembro de 2020

A chegada do verão requer uma atenção maior às necessidades dos idosos. Isso porque as temperaturas altas podem ser um fator de risco para a desidratação e para quedas de pressão, que podem provocar tonturas e até desmaio. Nos idosos, a desidratação pode ter consequências mais intensas porque o hipotálamo, região do cérebro relacionada ao equilíbrio das funções corporais, não funciona tão bem quanto em indivíduos jovens.

Além disso, os idosos apresentam uma proporção menor de água no organismo e têm menos capacidade de retenção de líquidos. Por isso, beber água com frequência nessa época é ainda mais importante. Nesse sentido, é preciso de atenção também com a alimentação, uma vez que as comidas estragam mais facilmente no calor e uma intoxicação alimentar pode ter consequências mais intensas no organismo dos idosos. Indica-se uma dieta que facilite a digestão, com alimentos frescos e muitas frutas.

Nessa época, também é importante verificar se os idosos estão usando roupas adequadas, com tecidos mais leves. A transpiração aumenta e o mais indicado são vestimentas de algodão e malha, que absorvem melhor o suor. Fique atento também à ventilação dos locais e não exponha o idoso ao sol em horários com raios mais intensos. Procure sombras e sempre passe filtro solar com fator de no mínimo 30 FPS. Vale uma atenção especial também com as atividades físicas: elas devem ser feitas em locais mais frescos ou em horários alternativos e devem ter intensidade mais baixa.

Publicado por: dolcevivere

14 visualizações

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *