17 dicas de como lidar com a resistência de idosos que não querem se isolar contra o coronavírus

Postado: 24 de março de 2020

quarentena idosos

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
O ideal é criar uma grade de atividades para preencher a rotina em casa
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Discutir ou brigar só tende a piorar as coisas. A psicóloga, psicanalista e especialista em gerontologia Eloisa Adler reforça a necessidade de valorizarmos o que chama de “nova ordem mundial”: “temos que mostrar que, hoje, somos todos solitários solidários. O isolamento é para o bem comum. Ficar em casa pode também significar oportunidades de descobertas, de resgatar memórias”, propõe.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cuidando da saúde mental do idoso
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Seguem sugestões que servem como ponto de partida para afastar o tédio do idoso em quarentena, lembrando que a tecnologia deve ser vista como uma grande aliada nesse momento.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

  1. Exercícios: há inúmeros tutoriais na internet e os professores de academias também têm criado treinos on-line para seus alunos. Podem ser 20 ou 30 minutos, de manhã e à tarde.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  2. Assistir ao noticiário, mas com o cuidado de consumir notícias de fontes confiáveis.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  3. Ver programas de TV, filmes e séries.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  4. Jogos: palavras cruzadas, caça-palavras, quebra-cabeça. Há aplicativos para a estimulação cognitiva que são divertidos e prazerosos.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  5. Fazer visitas virtuais a museus.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  6. Leitura, lembrando que há aplicativos para leitura no celular ou no iPad.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  7. Ouvir música, tocar um instrumento, cantar.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  8. Dançar ao som das músicas preferidas.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  9. Organizar os armários e gavetas.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  10. Dedicar-se à higienização da casa.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  11. Cuidar do animal doméstico.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  12. Criar um diário.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  13. Atividades manuais ou artísticas, dependendo do talento e interesse de cada um.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  14. Escrever a história da própria vida – há hoje editoras que fazem a publicação desses relatos em edições reduzidas.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  15. Fazer cursos on-line. Há uma gama enorme de opções, muitos deles em português. Para esses tempos tão duros, os de mindfulness podem ser bem-vindos. Vale uma visita ao site do Coursera.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  16. Conversar com os amigos, por telefone ou aplicativos.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
  17. Fazer chamadas com vídeo diárias para filhos e netos, para matar as saudades. Rever vídeos antigos também é um bom programa.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Por Por Mariza Tavares
Jornalista, mestre em comunicação pela UFRJ e professora da PUC-RIO, Mariza escreve sobre como buscar uma maturidade prazerosa e cheia de vitalidade.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Extraído de https://g1.globo.com/bemestar/blog/longevidade-modo-de-usa
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Dolce Vivere

Publicado por: dolcevivere

182 visualizações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *