A riqueza dos anos

Postado: 13 de março de 2020

relacionamento idoso


A importância do relacionamento com os idosos


“A velhice não é uma doença, mas um privilégio! A solidão pode ser uma doença que pode ser curada com a caridade, a proximidade e o conforto espiritual.” Papa Francisco


O Papa Francisco pediu às paróquias que saíssem ao encontro de idosos sozinhos. Ele destacou que a vida longa é um privilégio e que devemos estar juntos dos idosos, dando suporte e atenção. “Peço-lhes que não se cansem de proclamar o Evangelho aos avós e aos idosos. Vão ao encontro dos idosos com o sorriso no rosto e o Evangelho nas mãos. Saiam pelas ruas das paróquias, procurando os idosos que vivem sozinhos”, disse o pontífice.


O aumento da expectativa de vida e do número de idosos traz a necessidade da reflexão sobre a longevidade com qualidade de vida. Qual é o papel social do idoso na nossa sociedade atual? O avançar da idade acaba muitas vezes isolando o indivíduo, com a saída do mercado de trabalho e a diminuição da quantidade de relações interpessoais.


A solidão pode afetar a capacidade cognitiva geral, além de levar à depressão. Enquanto a interação com familiares, vizinhos, amigos gera estímulos positivos à saúde mental, traz bem-estar e incentiva hábitos mais saudáveis que auxiliam a saúde como um todo.


Os idosos que interagem com pessoas da mesma idade e outros círculos de relacionamento se sentem mais necessários e estimulados a serem mais ativos. Por isso, como disse o Papa Francisco, é muito relevante para uma pessoa da terceira idade ter ao entorno pessoas dispostas a conversar, a passar tempo e a trocar experiências.



Dolce Vivere

Publicado por: dolcevivere

53 visualizações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *